Assinar Feed RSS Visite nosso canal no Youtube! Siga-nos no Twitter! Encontre-nos no Google Plus! Encontre-nos no Facebook!

Diminui diferença entre número de homens e mulheres no exercício da advocacia

Enviado por , em
Palavras-chave: , , , ,

O presidente nacional da OAB, Ophir Cavalcante, enviou hoje (08/03) mensagem de saudação às mulheres brasileiras, em especial às advogadas, pela passagem do Dia Internacional da Mulher, comemorado em todo o mundo. “Foi num 8 de março como hoje que um grupo de mulheres americanas se rebelaram para que tivessem seus direitos mínimos reconhecidos. Direitos como, por exemplo, o descanso maternidade. No Brasil, nós sabemos o quanto tem custado pôr em prática o Artigo 5º, inciso I, da nossa Constituição, que diz: todos são iguais perante a Lei”, afirmou Ophir.

Para o presidente, é dever de toda a sociedade “quebrar barreiras, desafiar convenções, extinguir preconceitos e combater discriminações, não dando espaço à ideia infame, retrógrada e até criminosa, de tratar as mulheres como cidadãs de segunda classe”.

Atualmente, de 696.864 advogados em atividade no Brasil, 384.152 são do gênero masculino, contra 312.712 do gênero feminino, uma diferença de apenas 71.440 a favor dos homens. Pelas projeções atuais, tendo em vista o crescente acesso das mulheres aos cursos de Direito, a tendência é uma virada nos números ainda nesta década.

Veja os números por Estado da Federação. Os gêneros estão marcados entre parênteses, indicando homens (H) e mulheres (M):

Acre – 1.335 (H),  809 (M)

Alagoas – 3.181 (H), 2.206 (M)

Amazonas – 2.415 (H), 2.017 (M)

Amapá – 680 (H), 492 (M)

Bahia – 12.738 (H), 10.795 (M)

Ceará – 7.103 (H), 4.900 (M)

Distrito Federal – 11.042 (H), 8.871 (M)

Espírito Santo – 5.674 (H), 4.322 (M)

Goiás – 11.178 (H), 8.156 (M)

Maranhão – 3.650 (H), 2.413 (M)

Minas Gerais – 40.601 (H), 29.379 (M)

Mato Grosso do Sul – 4.510 (H), 3.215 (M)

Mato Grosso – 4.262 (H), 3.296 (M)

Pará – 5.435 (H), 4.921 (M)

Paraíba – 3.766 (H), 2.472 (M)

Pernambuco – 9.347 (H), 7.219 (M)

Piauí – 3.136 (H), 2.098 (M)

Paraná – 22.914 (H), 16.991 (M)

Rio de Janeiro – 61.229 (H), 55.637 (M)

Rio Grande do Norte – 3.121 (H), 2.182 (M)

Rondônia – 1.856 (H), 1.591 (M)

Roraima – 372 (H), 226 (M)

Rio Grande do Sul – 25.278 (H), 20.948 (M)

Santa Catarina – 11.735 (H), 7.692 (M)

Sergipe – 2.018 (H), 1.535 (M)

São Paulo – 124.122 (H), 107.347 (M)

Tocantins – 1.454 (H), 982 (M)

 

Fonte: oab.org.br

Comentários

Deixe um comentário!